Atendimento: [14] 2106-7070
Faça sua consulta ao Boa Vista SCPC
Para maior segurança, mantenha sua senha em sigilo, e em caso de mudança de operador solicite uma nova senha.

Lideranças se unem para revitalização


Formada por diversos setores, Comissão de Estudos para Revitalização da Área Central (Cerac) propõe ações em prol da região

Tema bastante discutido na cidade, a necessidade de revitalização na área central de Bauru é uma demanda que vem sendo estudada por diversos setores, por meio da Comissão de Estudos para Revitalização da Área Central (Cerac).

Conforme o JC já noticiou, o movimento depende do lançamento do edital de um projeto executivo, que deverá ser elaborado por entidades de classe voluntárias. O intuito do grupo é promover melhorias na cobertura, na rede de drenagem e na acessibilidade do espaço.

O projeto – que tem como identidade visual a campanha “Todos Pelo Centro: Bauru em Movimento”, lançada no último dia 19 – precisa do texto para, assim, levantar a verba necessária para executá-lo. O edital deve ser concluído e publicado ainda neste semestre.

Simultaneamente, a Comissão de Estudos para Revitalização da Área Central também estuda outros dois projetos que visam melhorias para a Estação Ferroviária, sendo que um envolve a iniciativa privada e outro, o governo estadual. No entanto, esses ainda estão em fase inicial.

Assim como o especialista comenta na página 6, o grupo também acredita que se o ambiente for reurbanizado, promoverá intensa movimentação na área central, até mesmo, fora do horário comercial, que é de segunda-feira a sábado, das 9h às 18h.

Vale lembrar que a Comissão Municipal de Estudos para Revitalização da Área Central é composta por representantes das secretarias de Desenvolvimento Econômico Turismo e Renda (Sedecon), Planejamento, Obras, Meio Ambiente, Negócios Jurídicos, Bem-Estar Social, Cultura, Emdurb, DAE, Polícia Militar, Sindicato do Comércio Varejista de Bauru (Sincomércio), Associação Comercial e Industrial de Bauru (Acib) e Câmara dos Dirigentes Lojistas de Bauru (CDL).

EM ANDAMENTO

Em abril deste ano, a Sedecon lançou o projeto-piloto “Ruas de Lazer”. Na ocasião, interditou duas quadras do Calçadão da Batista para oferecer jogos e brincadeiras à criançada, gratuitamente. Em seguida, aplicou uma pesquisa junto aos frequentadores e constatou que a ação teve 80% de aprovação.

Portanto, a pasta deverá promover outra edição, provavelmente, em homenagem ao Dia dos Pais, conforme adianta a diretora de Turismo e Eventos da Sedecon, Marina Martins.

Ainda de acordo com ela, o município também trabalha no projeto “Faces do Centro”, no qual a assessoria de comunicação divulgará releases, quinzenalmente, mostrando a história dos comerciantes mais antigos.


Há 40 anos Wagner Gomes é vendedor da mesma loja na Batista de Carvalho

‘Ainda tem seu diferencial’, diz vendedor de loja há 40 anos

Um pouco mais adiante da praça Machado de Mello, na quadra 2 da Batista de Carvalho, Wagner Gomes, 56, trabalha em uma das mais tradicionais lojas do comércio central. Há 40 anos como vendedor no local, ele comentou sua visão do processo. “Muita coisa mudou sim, mas o comércio central continua forte e vivo, mesmo com algumas dificuldades. Temos o ponto aqui há 50 anos e vemos que, mesmo com as outras opções comerciais na cidade, o Centro ainda tem seu diferencial”, destaca.

O vendedor ainda acredita que mudanças positivas possam vir para a região onde trabalha. “Os alugueis aqui são muito altos e isso afasta novos lojistas e até as pessoas que poderiam morar na região. Acho que se mais gente pudesse habitar a Batista, isso aqui ia viver de novo. Falta movimento em outros horários”, conclui.

Leia mais: Especialista crê em reurbanização como possível melhora

O quadrilátero esquecido da Machado de Mello

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé