CDL Bauru

Em 22 de Janeiro de 1964, um grupo de lojistas bauruenses se uniu para criar a Câmara de Dirigentes Lojistas, com objetivo de promover e fortalecer o comércio de Bauru.

Inicialmente instalada em uma pequena sala no Edifício Comercial, na Rua Batista de Carvalho, o espaço foi em pouco tempo ampliado para 2 salas, com a contratação de mais funcionários para dar início à prestação do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), naquela época com todo o seu arquivo em fichas de papel.

O SPC foi muito importante para os lojistas, que graças à este serviço puderam estender as vendas pelo crediário próprio a quase toda a população, resultando em uma grande onda de crescimento e fortalecimento dos negócios da cidade.

Em 1986 a CDL comprou um prédio bem maior na rua Araujo Leite, e lá expandiu suas instalações ano a ano até que o volume de papel do SPC atingiu o seu auge, sendo necessários mais de 40 funcionarios para manusear e atualizar as informações.

Em 1990 foi iniciado o processo de informatização do SPC, eliminando todo o banco de dados em papel. Com isso, o tempo de resposta das consultas caiu drasticamente, resultando em um serviço de melhor qualidade para os associados. Em seguida, com a evolução da tecnologia, foi possível interligar terminais de consulta nas lojas dos maiores usuários do serviço, que passaram a fazer as suas consultas sem a necessidade dos operadores da CDL. Assim, o quadro de funcionários foi sendo gradativamente adequado à nova realidade, resultando em diminuição do preço das consultas e otimização das receitas.

A partir desta época, com os lucros provenientes do serviço de SPC, a CDL Bauru iniciou a realização de campanhas na mídia para promover as datas comemorativas do comércio, como dia das mães, dos pais e natal.
De esporádicas, as promoções se tornaram mensais, e foram se sofisticando com a realização de sorteios de viagens, eletrodomésticos, vale-compras e até automóveis.

O ano de 1998 foi marcado pela criação de um novo serviço, a Recuperação de Crédito. Havia uma grande insatisfação dos associados com as empresas de cobrança existentes na época, o que levou a CDL a investir neste novo serviço, que de pronto foi muito bem recebido por todos.

Em 2002 foi adquirido um prédio praticamente em ruínas, mas de grande valor histórico e arquitetônico para a cidade, localizado nas esquina das ruas Bandeirantes e Monsenhor Claro, que havia abrigado a delegacia de polícia em tempos antigos. Ciente de sua responsabilidade com a cidade, a CDL ofereceu a sua contribuição à revitalização da área central da cidade, restaurando o prédio à sua forma original mas sem abrir mão das modernas funcionalidades necessárias ao bom funcionamento da entidade.

Atualmente com quase 700 associados, a CDL Bauru ainda está planejando a criação de novos serviços, tornando-se cada vez mais parceira da cidade e mais inseparável de sua grande paixão: o comércio de Bauru!